Terça-feira, 15 de Dezembro de 2009

O palhaço...

 

Ai ai!

 

 

O palhaço compra empresas de alta tecnologia em Puerto Rico por milhões, vende-as em Marrocos por uma caixa de robalos e fica com o troco. E diz que não fez nada. O palhaço compra acções não cotadas e num ano consegue que rendam 147,5 por cento. E acha bem.

 

O palhaço escuta as conversas dos outros e diz que está a ser escutado. O palhaço é um mentiroso. O palhaço quer sempre maiorias. Absolutas. O palhaço é absoluto. O palhaço é quem nos faz abster. Ou votar em branco. Ou escrever no boletim de voto que não gostamos de palhaços. O palhaço coloca notícias nos jornais. O palhaço torna-nos descrentes. Um palhaço é igual a outro palhaço. E a outro. E são iguais entre si. O palhaço mete medo. Porque está em todo o lado. E ataca sempre que pode. E ataca sempre que o mandam. Sempre às escondidas. Seja a dar pontapés nas costas de agricultores de milho transgénico seja a desviar as atenções para os ruídos de fundo. Seja a instaurar processos. Seja a arquivar processos. Porque o palhaço é só ruído de fundo. Pagam-lhe para ser isso com fundos públicos. E ele vende-se por isso. Por qualquer preço. O palhaço é cobarde. É um cobarde impiedoso. É sempre desalmado quando espuma ofensas ou quando tapa a cara e ataca agricultores. Depois diz que não fez nada. Ou pede desculpa. O palhaço não tem vergonha. O palhaço está em comissões que tiram conclusões. Depois diz que não concluiu. E esconde-se atrás dos outros vociferando insultos. O palhaço porta-se como um labrego no Parlamento, como um boçal nos conselhos de administração e é grosseiro nas entrevistas. O palhaço está nas escolas a ensinar palhaçadas. E nos tribunais. Também. O palhaço não tem género. Por isso, para ele, o género não conta. Tem o género que o mandam ter. Ou que lhe convém. Por isso pode casar com qualquer género. E fingir que tem género. Ou que não o tem. O palhaço faz mal orçamentos. E depois rectifica-os. E diz que não dá dinheiro para desvarios. E depois dá. Porque o mandaram dar. E o palhaço cumpre. E o palhaço nacionaliza bancos e fica com o dinheiro dos depositantes. Mas deixa depositantes na rua. Sem dinheiro. A fazerem figura de palhaços pobres. O palhaço rouba. Dinheiro público. E quando se vê que roubou, quer que se diga que não roubou. Quer que se finja que não se viu nada.

 

Depois diz que quem viu o insulta. Porque viu o que não devia ver.

 

O palhaço é ruído de fundo que há-de acabar como todo o mal. Mas antes ainda vai viabilizar orçamentos e centros comerciais em cima de reservas da natureza, ocupar bancos e construir comboios que ninguém quer. Vai destruir estádios que construiu e que afinal ninguém queria. E vai fazer muito barulho com as suas pandeiretas digitais saracoteando-se em palhaçadas por comissões parlamentares, comarcas, ordens, jornais, gabinetes e presidências, conselhos e igrejas, escolas e asilos, roubando e violando porque acha que o pode fazer. Porque acha que é regimental e normal agredir violar e roubar.

 

E com isto o palhaço tem vindo a crescer e a ocupar espaço e a perder cada vez mais vergonha. O palhaço é inimputável. Porque não lhe tem acontecido nada desde que conseguiu uma passagem administrativa ou aprendeu o inglês dos técnicos e se tornou político. Este é o país do palhaço. Nós é que estamos a mais. E continuaremos a mais enquanto o deixarmos cá estar. A escolha é simples.

 

Ou nós, ou o palhaço.

 

Mário Crespo

IN JORNAL DE NOTICÍAS

14/12/2009

 

Publicado por Prof. Vasconcelos às 01:10
link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Terça-feira, 20 de Outubro de 2009

Direitos Humanos

Ou como as palavras podem ser objectos de design.

Sobretudo, se para além da forma tiverem conteúdo...

 

Excelente!

 

La Déclaration Universelle des Droits de l'Homme from Hajen on Vimeo.

Publicado por Prof. Vasconcelos às 23:15
link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Terça-feira, 7 de Julho de 2009

Vista lento a desligar

windows vista lento lentidão demora desligar shutdown encerrar

Depois de ter andado a mexer onde não devia, o meu sistema (Windows Vista) ficou particularmente lento quando desligava.

 

O Vista costumava demorar apenas alguns segundos a fazer o "shutdown" do sistema; mas de repente passou a demorar cerca de 120 segundos (2 minutos) a desligar o computador.

 

Oh raiva!!! Porque é que eu me armei em esperto?!?

 

Procurei, vasculhei e depois de várias horas a tentar e a experimentar, lá cheguei a uma solução. Fica aqui partilhada com quem precisar.

 

Percebo agora que tudo se deveu a um programa de "privacidade" que me alterou o registo (registry) do Windows. A  questão é que em nome da protecção de dados, foi activada a opção de limpeza do "ficheiro de paginação" (memória virtual / swap file) sempre que o sistema desligava.

O que acontecia é que essa área do disco (mais de 3 Gb!) eram reescritos com "0" (zeros) de forma a que essa informação fosse irrecuperável (e portanto, a privacidade fosse mais elevada) após o encerramento do PC. Mas escrever cerca de 3Gb de 0 (zeros) demora muito a escrever...

 

A solução passou por dasabilitar (desactivar) essa limpeza!

 

Como? Fácil!

 

INICIAR > EXECUTAR > REGEDIT >

 

Procure a chave:

HKEY_LOCAL_MACHINE\

SYSTEM\

CurrentControlSet\

Control\

Session Manager\

Memory Management

Procure a entrada "ClearPageFileAtShutdown" e altere o valor "1" por "0"

 

 

Pronto! O Windows volta a encerrar em cerca de 4 segundos e tudo voltou ao normal!!!

 

(nota: As alterações no "Registry" do Windows não devem ser feitas por "curiosos" ou "inexperientes" sem que primeiro haja uma cópia de segurança desse ficheiro. Se não tiver a certeza do que está a fazer, peça a um técnico que o faça!)

Publicado por Prof. Vasconcelos às 01:24
link do post | Comentar | Ver comentários (2) | Adicionar aos favoritos
Sábado, 4 de Julho de 2009

Universidade de Aveiro - 20 Anos

Já se passaram 20 anos desde que acabámos as nossas licenciaturas.

 

Alguns de nós, alunos dos cursos de Letras da UA, encontrámo-nos após 20 anos de vidas separadas...

 

Aqui fica um breve registo:

 

Publicado por Prof. Vasconcelos às 04:20
link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Quinta-feira, 25 de Junho de 2009

Acesso à LAN (Internet) no Magalhães

Magalhães não liga internet lan cabo rj45 rede fixa solução

 

Depois de muitas horas a queimar as pestanas, cá fica outra dica sobre o Magalhães.

 

O Magalhães do meu "puto" é muito giro, azulinho e com um ar acolchoado. Também é muito lento e tem um monitor minúsculo, mas isso... é assim mesmo e por 50 euros não posso pedi muito mais.

 

 

O que podia pedir, isso sim, é que o raio do mini-computador-de-brincadeira ligasse à Internet a partir da rede local cá de casa.

Tenho um router ADSL, estendi um cabo UTPe liguei a ficha RJ45 à tomada da LAN. Até aqui tudo fantástico!

 

Ligação à Internet?!? Onde? Nem vê-la!

 

Comecei a vasculhar...

A partir da linha de comandos, um "ping" para o router e aquilo respondia!...

Um "tracert" para o www.sapo.pt e lá vinham os saltos todos...

Abria o Internet Explorer e nada... rigorosamente nada!

 

Passo seguinte:

Abri o Parents Carefree (parece nome de penso higiénico!) e pus-me a mexer naquilo tudo. Mudei as configurações, desabilitei o controlo e acabei mesmo por desinstalar o programa. Resultado: nada... rigorosamente nada!

 

Nova etapa:

Firewall do Windows. Testes, experiências, criação de regras de excepção, desactivação da Firewall. Resultado: nada... rigorosamente nada!

O Internet Explorer não abria um único site!

 

Muito importante: ao entrar pelo Caixa Mágica, o Firefox trabalhava sem problemas na Internet! Logo, não era problema de hardware...

 

Depois foram mais umas horas: instalei o Firefox no Windows, experimentei, tentei,. Resultado: Nada... rigorosamente nada!

 

Como tenho acesso às "PENs" de reposição do sistema, lá fui repor a imagem do disco. Mais 20 minutos (o processo de reposição é muito bom!), mas... Resultado: Nada... rigorosamente nada!

 

Até que em desespero de causa, fui tentar aquilo que nunca me passou pela cabeça ser possível. Será que os drivers da placa de rede estão "marados"?!? Mas o computador chegou agora... Eu até reinstalei os sistemas!!! Nã!... Bem, mas também não se perde nada.

 

Fui ao site de apoio ao Magalhães (http://www.suportemagalhaes.com/) e procurei por Downloads > Drivers Equipamento > Atom > 06_LAN.zip

 

 

Site de Apoio ao Magalhães

Fiz o download, extraí os ficheiros (descomprimi o arquivo ZIP), copiei a pasta para uma PEN e levei-a ao MAG... Instalei os drivers e...

 

Oh surpresa!!!! O Internet Explorer começou logo a bombar e nem foi preciso fazer mais nada!

 

E pronto! Assim se passam umas horas (muitas horas!) só porque alguém se esqueceu de colocar na instalação do Magalhães os drivers correctos da placa de rede. E assim vai o nosso país!

 

Mas porque nem tudo corre mal, há sempre alguém disposto a ajudar.

 

Se por acaso este "post" se revelou interessante ou o ajudou, seja um "compincha" e deixe um comentário...

 

 

Com a saída do "Magalhães 2", o endereço para download dos drivers mudou.

 

Se quer os drivers do "Magalhães 1" (o do e-escolinhas), eles estão aqui:

Drivers Magalhães 1 - Escolha de acordo com o processador do seu Magalhães (Atom ou Celeron)

 

Se quer o acesso directo aos drivers da placa de rede, eles estão aqui:

Drivers da placa de rede (LAN) do Magalhães 1 - Atom

 

Entretanto já estão disponíveis os drivers para o "Magalhães 2"

Drivers Magalhães 2

 

Mas como estes links podem mudar, recomendo que iniciem as vossas pesquisas dos drivers a partir da página principal:

Página de apoio ao MAGALHÃES (se funcionar...)

 

 

 

Publicado por Prof. Vasconcelos às 02:02
link do post | Comentar | Ver comentários (45) | Adicionar aos favoritos

Coisitas sobre mim

Pesquisar neste blog

 

Dezembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Artigos mais recentes

O palhaço...

Direitos Humanos

Vista lento a desligar

Universidade de Aveiro - ...

Acesso à LAN (Internet) n...

Obrigadinho e desculpem q...

Professor do ano

Alguns "segredos" pouco e...

O "Besingulo"

Eumarquiapala

Arquivos

Dezembro 2009

Outubro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Março 2008

Outubro 2007

tags

20 anos

3g

acesso à internet

atraso

be

becre

besingulo

blogs

deligar

demora

direitos humanos

dulce

e-escolas

encerrar

essmo

ficheiro de paginação

histórias

internet

letras

magalhães internet ligação rede cabo lan

manifestação

marco

memória virtual

moreiras

o palhaço

paeb/2009

page file

paula

posts

professor do ano

professores

sapo

shutdown

tomar

ua

universidade de aveiro

vista

web2.0

windows

zonealarm

todas as tags

blogs SAPO

subscrever feeds